Mercado Futuro: O Que é e Como Funciona esse Tipo de Investimento

mercado-futuro

Como Funciona o Mercado Futuro?

O mercado futuro é muito importante dentro da bolsa de valores e impacta diretamente o futuro de empresas e/ou produtores que dependem da cotação de moedas estrangeiras ou preço de commodities.

Além de oferecer proteção para alguns, o futuro abre espaço para elevados retornos para outros. Permitindo aos investidores que opererem com alavancagem, então participar desse mercado, é uma oportunidade para gerar lucros extraordinários.

O artigo de hoje é uma introdução ao mercado futuro, explicando a ideia por trás desse mercado, assim como apresentar alguns conceitos mais simples.

O que é o Mercado Futuro?

O mercado futuro é um ambiente de negócios que conta com a presença de vendedores e compradores como outro mercado qualquer. A grande diferença é que, em vez de ativos à vista, são negociados contratos de commodities (boi gordo, soja, café), moedas (dólar, euro), e índices (Ibovespa, S&P 500) ou até mesmo taxa de juros (DI futuro), para liquidação em uma data futura específica, ou seja, no mercado futuro são negociados contratos futuros que derivam de ativos.

O que é um Contrato Futuro?

Um contrato futuro é um contrato a termo padronizado, um acordo legal para comprar ou vender algo a um preço predeterminado em uma data específica no futuro. O ativo transacionado é geralmente uma commodity ou instrumento financeiro. O preço predeterminado que as partes concordam é conhecido como o preço a termo. Como o preço do contrato futuro é influenciado pelo ativo real, por exemplo, o boi gordo, ele é considerado um derivativo.

Para facilitar o entendimento nada melhor que um exemplo. Imagine um produtor rural de boi e suas obrigações, o pecuarista deve: cuidar, vacinar, alimentar, transportar, entre outras coisas seu rebanho. Então, existe um custo para criar o gado.

Além disso, no futuro o produtor rural espera vender seus bois para poder pagar seus custos de produção e obter algum lucro. Porém, o produtor não sabe por quanto vai conseguir vender seu rebanho no futuro, o preço vai depender de como estará a oferta e demanda de boi. Se a demanda for maior que a oferta o preço no futuro vai subir, caso contrário, a demanda menor que a oferta, o preço vai cair.

Proteção

Ademais, é usado também para se proteger da imprevisibilidade de preços, o produtor então se compromete em vender seu rebanho no futuro por um preço predeterminado.

Ao fazer algumas contas o produtor percebe que o custo por arroba (medida de massa), é de R$ 100, então, ele se compromete em vender por R$ 130 a arroba para um especulador. Ao fazer isso, o produtor está assegurado, ele vai poder pagar todos os custos envolvidos e ainda lucrar R$ 30 por arroba.

Vamos supor que no dia da entrega a arroba do boi gordo esteja sendo negociada por R$ 140. Nessa situação o produtor vai receber R$ 130, que é o valor que consta no contrato. Agora, imagine outro cenário, que no dia da entrega a arroba está em R$ 125, o produtor ainda vai receber R$ 130, portanto o preço na data de vencimento do contrato pouco importa para o produtor.

Por outro lado, o preço no dia do vencimento é muito importante para o especulador. No primeiro cenário o especulador vai ter lucro de R$ 10, que é a diferença entre o quanto ele pagou ao produtor, R$130, e por quanto ele vai revender no mercado, R$ 140. Já no segundo cenário, o especulador terá prejuízo de R$ 5 por arroba.

Ambos, o preço e a data de vencimento, estão presentes no contrato. Note que o produtor não tem prejuízo, no máximo ele pode estar deixando de lucrar mais, enquanto o especulador pode tanto lucrar como ter prejuízo. Essa é uma característica importante do mercado futuro.

Entretanto, se uma empresa possui um passivo em dólar (conta a pagar), e teme que a moeda americana vá se apreciar, uma alternativa é comprar contratos futuros de dólar à cotação atual. Pois acabaria se protegendo de uma eventual alta da moeda.

Quando você espera que o preço do ativo em contrato vá subir, você deve comprar o contrato futuro, mas se você espera que o preço vá cair você deve vender o contrato futuro.

Tipos de Investidores no Mercado Futuro

Existem dois tipos de investidores no mercado futuro.

Hedgers – são os participantes do mercado ligados ao ativo físico. Eles entram no mercado procurando segurança (proteção) contra uma eventual baixa de preços no futuro, para se proteger compram contratos futuros. Podem ser produtos rurais, empresas que dependem da cotação do dólar, etc.

Especulador – são a maioria do mercado e estão interessados em auferir lucros com as flutuações de preços. Dão liquidez ao mercado. Podem usar tanto análises fundamentalistas quanto técnica.

O especulador é muito importante para dar liquidez aos contratos, se não ele não existisse os produtores não poderiam se proteger das oscilações de preços. O especulador aceita o risco da oscilação mirando justamente o lucro.

Código de Negociação

Assim como ocorre com as ações, cada contrato futuro possui um código de negociação na bolsa. Esse será o código que você irá digitar no seu Home Broker para comprar e vender um contrato futuro. As 3 primeiras letras do código indicam qual é o ativo negociado.

Na sequência das letras, que indicam o ativo, deve ser colocada a letra que indica o mês de vencimento do contrato e em seguida o ano.

Gostou desse conteúdo? Deixe seu feedback!

Bons Investimentos!!

Compartilhe este conteúdo

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter

Sobre Nós

A maior plataforma de investimentos do país. Encontre os melhores investimentos de acordo com seus objetivos gratuitamente.

Post Relacionados

Investimentos de curto prazo: 5 dicas

Conheça quais investimentos são os mais indicados! Escolher um investimento, pode não

Financeiras são autorizadas a emitir CDB

Votos:  5/5 O que mudou na prática? No ínicio do mês

ações

Crise política e pandemia: O que esperar de 2020? Após recordes atrás

Seguir

Mais Assisitidos

Fechar Menu
Abrir Chat
Olá, tudo bem? Me chamo Rafael e sou economista, como posso te ajudar?
Powered by