Por que investir na renda variável?

Qual a importância da renda variável na carteira de investimentos?

Engana-se quem pensa que renda variável é apenas para pessoas com o perfil agressivo. Ela serve para investir em empresas que possuem negócios que você, como pessoa física, não teria condições de gerir. Como resultado, pode vir a receber parte do lucro desta empresa através dos dividendos.

Para investidores conservadores, que preferem aumentar o seu patrimônio aumentado com o menor risco possível, o mais indicado é ter no máximo 5% em renda variável.

Desta forma, terá uma carteira diversificada mas, sem que a renda variável tenha impacto decisivo na carteira de investimentos. Assim, pode-se usar os dividendos para reinvestir na ação escolhida tendo em mente a importância da diversificação.

Descorrelacionar seus ativos deve ser prioridade

Ter uma carteira diversificada vai além de distribuir em classes de ativos. É necessário que estes ativos estejam descorrelacionados entre si. Em outras palavras, é aquele ditado: não coloque todos os ovos em uma mesma cesta.

Assim, se você compra somente ativos do setor bancário, em uma crise financeira você será fortemente atingido, mas se diversificar em outros setores como por exemplo, agrícola, tecnológico e varejo você está aplicando em setores que não se relacionam de forma direta.

Durante o período de pandemia, o setor de varejo se destacou, enquanto as empresas de turismo foram fortemente afetadas. Com a diversificação entre setores você diminui consideravelmente o risco.

O poder dos dividendos

Ter investimentos em empresas que são boas pagadoras de dividendos pode ajudar e muito na renda passiva.Este tipo de empresa também é conhecida como “blue chips” e já possuem um bom grau de maturidade.

Desta forma, ela consegue fazer a distribuição do lucro entre os acionistas que será proporcional ao número de cotas que você tiver. Convencionou-se, no Brasil, uma distribuição de 25% dos lucros. Mas, há empresas que reinvestem parte dos valores e distribuem o restante.

Uma alternativa para investidores conservadores é montar, com este limite de 5%, uma carteira voltada para empresas que pagam bons dividendos.

Nesse sentido, será necessário uma análise fundamentalista para encontrar as empresas que possuem lucros consecutivos com o passar do anos. Esta estratégia de longo prazo é muito útil, pois os resultados de empresas com possuem mais market share são mais previsíveis.

Alavancando a rentabilidade com a renda variável

Na bolsa de valores, existem também as empresas que focam em expansão. Por isso, muitas delas utilizam o lucro para reinvestir e acabam não distribuindo dividendos.

Os investidores por sua vez, lucram com a valorização das ações, que tende a ser mais expressiva do que uma blue chip, por exemplo. Em segundo lugar, estas empresas possuem mais mercado para conquistar podendo dobrar a margem líquida em poucos anos.

Ao passo que uma empresa madura, por já ter domínio do mercado, pode ter o crescimento mais lento.

Essas empresas são chamadas Small Caps, e possuem volatilidade considerável. Por isso, é mais indicada para investidores de perfil moderado e agressivo. Assim, conseguiram alavancar a rentabilidade somente com a valorização do ativo.

Retornos não previsíveis

É difícil estimar qual será a valorização ou desvalorização de todas as empresas. Existe o fator surpresa chamado cenário econômico. Ele é responsável por alterar toda a dinâmica do mercado trazendo à tona novas estratégias para a carteira de investimentos.

Fazendo com que algo que é lucrativo hoje pode se tornar um setor irrelevante em poucos anos com o avanço da tecnologia.

Acima de tudo, é importante ter acesso a boas fontes de notícias para ficar antenado com o cenário econômico. Escolha poucos analistas, que possuem a mesma estratégia que você, e os selecione como seus mentores para consultar estratégias.

Para seguir com a estratégia de ganhar com a valorização do mercado e não com os dividendos como principal fonte de renda, é necessário aceitar o risco.

A volatilidade é natural no mercado e você precisa ficar atento se esta oscilação se adequa ao seu perfil.

Tenha a renda fixa como aliada.

Os investimentos em renda fixa não excluem os de renda variável. É possível ter bons retornos quando alocados de forma que se adequem ao seus objetivos.

Antes de escolher sua ações, tenha certeza que a sua reserva de emergência está completa em um bom título com liquidez diária em renda fixa. Assim você pode prosseguir na diversificação em ativos sem a garantia do FGC.

Estes investimentos possuem bons retornos no curto e médio prazo e pode ser uma boa alternativa para investidores conservadores fazerem a transição gradual para a renda variável.

Em suma, os investimentos em renda variável são importantes não somente para a diversificação mas servem também como fonte de renda passiva. Isso porque as empresas que possuem lucros distribuem dividendos.

Estes dividendos quando reinvestidos fazem muita diferença pois eles passam a integrar o seu capital aumentando o volume para mais dividendos. Outra forma de lucrar com a renda variável é optando por uma estratégia focada em valorização com small caps, porém possuem maior risco devido a sua volatilidade

Este foi mais um artigo sobre investimentos, espero que você tenha gostado e fique a vontade para nos enviar dúvidas e sugestões nos comentários

Bons investimentos e até a próxima!

Compartilhe este conteúdo

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter

Sobre Nós

A maior plataforma de investimentos do país. Encontre os melhores investimentos de acordo com seus objetivos gratuitamente.

Post Relacionados

renda-fixa-no-exterior

Veja como lucrar no exterior!  Uma carteira diversificada não passa apenas por

taxa de custódia zerada

Vale a pena aplicar? Com o objetivo de aumentar a competitividade, o

risco de mercado

Todos investimentos possuem riscos? Quando falamos em riscos de perda do capital

Seguir

Mais Assisitidos

Fechar Menu
Abrir Chat
Olá, tudo bem? Me chamo Rafael e sou economista, como posso te ajudar?
Powered by